ufc
Revista Labor

   Apoio:
Nupep

Contador de acesso

Contador de acesso

Fortaleza, 31 de Maio de 2016


labor@ufc.br

ISSN: 1983-5000

número 14, vol.1, ano 2015capa número 14
número 13, vol.1, ano 2015capa número 13
número 12, vol.1, ano 2014capa número 12
número 11, vol.1, ano 2014capa número 11
número 10, vol.1, ano 2013capa número 6

número 9, vol.1, ano 2013capa da revista labor número 9
número 8, vol.1, ano 2012capa da revista labor número 8
número 7, vol.1, ano 2012capa número 7
número 6, vol.1, ano 2011capa número 6

número 5, vol.1, ano 2011capa número 5
número 4, vol.1, ano 2010capa número 4
número 3, vol.1, ano 2010capa número 3
número 2, vol.1, ano 2009capa número 2
número 1, vol.1, ano 2008capa número 1


APRESENTACÃO

É com grande orgulho que apresentamos a Revista do Labor, que lança as Edições LABOR em um novo momento, expandindo sua publicação para o formato digital. A revista busca refletir o caráter do LABOR, criado com o intuito de tornar-se referência de uma sadia pluralidade de olhares sobre a economia política crítica, a sociologia, a filosofia e a educação como áreas científicas e acadêmicas voltadas ao estudo da realidade social e educacional, relacionadas ao mundo do trabalho. Neste sentido, incentiva-se a possibilidade de convivência acadêmica enriquecedora entre posturas que variam de complementares e semelhantes a paralelas ou, até mesmo, divergentes em pontos específicos.

A Revista do LABOR apresentará, na língua original e em português, artigos e trabalhos de professores e pesquisadores de universidades brasileiras e estrangeiras que debatem os temas numa atitude de curiosidade, respeito pela divergência e humildade científica, valores com os quais esperamos que sejam sempre tratadas as diferentes perspectivas teóricas e os diversos olhares lançados sobre a realidade.
Os artigos expostos enfocarão desde questões teóricas a análises empíricas de aspectos da realidade estudados pelos autores. Com os textos, esperamos levantar um debate aberto com os leitores, seja no silêncio de seus argumentos mentais, seja na transformação desta publicação em ponto de partida para seminários, aulas, palestras, grupos de discussão ou outras formas de encontro intelectual e pessoal que possam estimular e alimentar o desenvolvimento de nossas idéias, ou melhor, de nós próprios como pessoas cujo interesse passa pelas questões da sociedade, economia e educação, mas que reconhecemos que não nos resumimos a estas questões.

Sabemos que a grande conquista do conhecimento tem sua base no desenvolvimento humano integral que passa pelo auto-conhecimento, pela simplicidade, pelo ser humano plenamente desenvolvido em equilíbrio. Uma das grandes conquistas do LABOR, que queremos expandir para esta revista, tem sido justamente a convivência plural e diversa, a ruptura com a delimitação de verdades definitivas ou o aprisionamento no dogmatismo. Todo saber, para nós, é aproximação maior ou menor com as estruturas da realidade, saber dialético, mais, ou menos, complexo, mais, ou menos, integrado numa totalidade. Deve, portanto, ser examinado, discutido, aceito ou negado, com ou sem reservas, por cada intelectual que, imbuído da humildade fundamental do sábio, busca, afinal, pensar por si mesmo.

Esta Revista do Labor, articulada com o programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Ceará, afirma nosso esforço de fortalecer a produção e a socialização do saber científico, consolidando o LABOR no campo da produção acadêmica. Proporciona, desta forma, espaço para amplo debate sobre o mundo do trabalho e sua relação com o campo educacional, com a Sociologia, a Economia Política Crítica e as teorias críticas da sociedade capitalista. Um dos aspectos a ressaltar é o fato de que há uma convergência básica entre os autores: a crítica ao modo societário que subjuga e impede o pleno desenvolvimento do ser humano integral. Trata-se de uma revista necessária para os dias atuais, enriquecendo as análises realizadas sobre essas temáticas neste início de século.

Por fim, compreendemos que o saber científico é uma produção coletiva, mais ainda a edição e publicação de uma revista científica como a nossa. Agradecemos às contribuições e ao trabalho fundamental dos Comitês Editorial e Científico, e queremos declarar nosso agradecimento especial aos companheiros do LABOR que apoiaram e incentivaram a criação e o desenvolvimento desta revista desde seu estágio de sonho e projeto ate a realização de hoje.

Nossas fraternais
Saudações Socialistas.

Prof. Dr. Enéas Arrais Neto
Coordenador do LABOR/UFC
Editor da Revista do LABOR


Linha Editorial Editores Conselho editorial